sábado, 24 de agosto de 2013

Aeromoço é demitido por estar em lista proibida de viajar nos EUA

Um comissário de bordo que passou no programa de trainee da American Airlines foi demitido após a companhia aérea descobrir que ele está na lista de pessoas "proibidas de viajar" do governo americano por fazer várias ameaças de bomba contra a United Airlines.

Segundo a polícia, foi descoberto que Patrick Cau usa também o nome de Patrick Kaiser, a identidade na lista de "proibidos de viajar" dos EUA.

Cau teria feito o trote de oito ameaças de bomba em voos da United Airlines entre outubro de 2012 e janeiro de 2013, segundo um acordo de confissão de 18 páginas apresentada em um tribunal federal na Califórnia. De acordo com o site " CNBC", Cau deverá se confessar culpado das acusações na próxima semana.

Os documentos do tribunal mostram que Cau ligou para o 911 usando telefones públicos em Los Angeles, Nova York, Las Vegas e Seattle para falar que uma bomba estava em um voo da United Airlines. Pelo menos seis das ameaças eram para voos entre Los Angeles e Londres.

A companhia disse que perdeu cerca de US$ 268 mil em voos cancelados e atrasados ​​devido às ameaças de Cau. O americano foi retirado do programa de treinamento em Fort Worth, Texas, no mês de maio. A empresa enviou um e-mail para os funcionários na terça-feira (20) para explicar a situação.

Cau poderia ficar detido na prisão por cinco anos, mas pode aceitar um acordo judicial para pagar US$ 250 mil em restituição para a empresa.


Fonte: Planeta Bizarro
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...