sábado, 26 de setembro de 2015

Esqueletos napoleônicos desenterrados em Frankfurt, na Alemanha



Combatentes provavelmente os morreram de ferimentos de guerra ou de tifo.

As obras de construção na cidade alemã de Frankfurt desenterraram os esqueletos de 200 soldados franceses do exército de Napoleão Bonaparte, dizem os especialistas.

Segundo a “BBC”, Olaf Cunitz, chefe de planejamento da cidade, acredita que os soldados devem ser do Grande Exército de Napoleão, que bateu em retirada da Rússia em 1813. Ele disse que provavelmente os combatentes morreram de ferimentos de guerra ou de tifo.

Batalhas travadas perto de Frankfurt em 1813 ceifaram 15 mil vidas, acrescentou Cunitz. Os esqueletos foram encontrados a oeste do distrito de Rödelheim na cidade.

Andrea Hampel, diretora de patrimônio e de monumentos históricos de Frankfurt, disse que parecia que as valas comuns foram cavadas “em situação de emergência”. Ela disse que as vítimas haviam sido enterradas em caixões que foram alinhados em um eixo norte-sul, em vez de na tradicional orientação leste-oeste, sugerindo que foram enterradas às pressas.

Mais de 30 esqueletos foram escavados até agora e espera-se que trabalho nos outros leve de quatro a seis semanas.

O Grande Exército de Napoleão, com 600 mil homens, invadiu a Rússia em junho de 1812 e tomou Moscou em setembro. No entanto, sofreu perdas catastróficas e foi forçado a recuar. Da força de invasão original, acredita-se que apenas cerca de 90 mil combatentes conseguiram voltar para a França.

Fonte: O Globo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...