segunda-feira, 30 de setembro de 2013

O plano espacial nazista para bombardear Nova York

Diversos historiadores especializados em estudos sobre a Segunda Guerra Mundial, como David Baker e David Myhra, trouxeram à luz, recentemente, por meio de livros e entrevistas, um plano secreto da Alemanha nazista sobre uma nova era de exploração espacial.

Segundo a informação encontrada pelos investigadores, o próprio Adolf Hitler teria transmitido a Hermann Goring, um alto comandante militar do Fuhrer, a necessidade de bombardear os Estados Unidos, seu novo e poderoso inimigo na época, porém ele tinha a seguinte dificuldade: a distância entre os dois países era muito grande para que um avião voasse até os EUA e voltasse sem reabastecimento.

Para superar este obstáculo, Goring encarregou o matemático austríaco Eugen Sanger de resolver este problema.

Como resposta, Sanger apresentou um projeto de 900 páginas, em que descreve o desenvolvimento do Pássaro de Prata, um caça bombardeiro que seria levado por um foguete suborbital. Sanger provou com seus cálculos que voando a uma altura suborbital o avião conseguiria reter combustível suficiente para chegar ao seu destino e voltar.

O plano era finalizado com uma explosão de uma bomba radioativa sobre Nova York, que formaria uma nuvem tóxica e cobriria a cidade.

Naquela época, o próprio Goring considerou o projeto ousado demais e o descartou, apesar de, segundo explicam os especialistas, o trabalho conduzido por Sanger foi indispensável para o posterior desenvolvimento da tecnologia das viagens espaciais.


Fonte: The History Channel
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...