sábado, 1 de agosto de 2015

Revelada identidade de esqueletos enterrados na 1ª colônia dos EUA




Cientistas descobriram a identidade dos esqueletos encontrados há dois anos na primeira colônia norte-americana, em Jamestown, no estado da Virginia.

Os restos mortais têm 400 anos de idade e foram enterrados próximo ao altar de uma igreja que foi instalada na cidade entre 1608 e 1617. O local era reservado para os mais importantes líderes da colonização.

Dois dos homens, o capitão Gabriel Archer e o reverendo Robert Hunt participaram da criação da cidade de Jamestown, segundo os pesquisadores do Museu Nacional de História Natural do Instituto Smithsonian. Os outros dois homens, sir Ferdinando Wainman e capitão William West, teriam chegado três anos após a fundação da vila.

Durante dois anos, os pesquisadores analisaram registros históricos dos 19 anos em que a igreja esteve de pé no local e compilaram uma lista de identidades possíveis para os líderes. Depois, partiram para os detalhes.

Cada um dos esqueletos tinhaa alguma pista que ajudava na identificação, seja a idade, seja a forma como o enterro foi feito. Hunt teria sido enterrado de frente para a congregação, o que era um hábito na época para os ministros da igreja.

Os arqueólogos encontraram outros materiais enterrados junto aos corpos, que também ajudaram na identificação, como uma pequena caixa de metal cheia de ossos próximo ao túmulo de Archer. A caixa guardaria relíquias e os ossos, acredita-se, seriam de um possível santo.

A análise química dos ossos também ajudou na identificação. No caso de Wainman, descobriu-se que os ossos tinham sido expostos ao chumbo, o que permitiu descobrir que ele era rico já que os materiais de grande valor na época, inclusive os utensílios domésticos, continham esse material.

Fonte: UOL
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...