quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Afinal, pode ou não pode jogar papel higiênico no vaso sanitário?


Ao viajar para o exterior os brasileiros costumam estranharem o hábito de jogar papel no vaso sanitário e não em uma lixeira no banheiro, afinal, "não vai entupir?".

Já os estrangeiros quando chegam ao Brasil estranham a orientação contrária, afinal, "que nojo, como assim vocês deixam o papel sujo numa lixeira ali do lado, cheirando mal, e depois, quem vai recolher isso? eca!"

De fato nossa opção pelas lixeiras não é nada higiênica. Além do mau cheiro, pode gerar contaminação no armazenamento, coleta e transporte por via pública. Mas a preocupação com "entupimento" é pertinente.

Diferente de outros países, em terras verde-amarelas o tratamento de esgoto por rede coletora chega apenas a pouco mais da metade da população (a situação é melhor nos estados do Sul e Sudeste), e jogar papel no vaso em locais onde o esgoto é destinado a uma fossa séptica, é entupimento na certa. E não pense que se tratam apenas de áreas mais pobres, já que regiões praianas, mesmo as mais ricas, costumam ter esse problema.

Então, se onde você mora há coleta e tratamento de esgoto, já temos um primeiro passo para pensar em mandar o papel higiênico privada abaixo (caso não tenha certeza, não arrisque!).

O segundo ponto importante é a tubulação interna da casa, se ela tiver problemas, muitas curvas ou for muito antiga, pode haver entupimento. É menos provável do que parece já que o papel em contato com a água vai se desmanchando rapidamente, e menos provável ainda em prédios já que a pressão da água é maior, mas não diga que eu não avisei.

Ao chegar na estação de tratamento, o papel é recolhido junto a outros detritos sólidos e enviado ao aterro sanitário, assim como o papel que é enviado pela coleta de lixo, mas com a vantagem de não estar dentro de sacolinhas plásticas, portanto se decompondo mais rapidamente e reduzindo o uso do plástico que tanto demora para decompor.

É importante lembrar que estamos falando apenas do papel higiênico! Nada de fraldas, absorventes ou camisinhas no vaso sanitário, de forma nenhuma – estes devem sempre ir para o lixo.

Ah, e nada também de jogar uma tonelada de papel de uma vez no vaso – formar uma bola com certeza é má ideia. Por isso, só faz sentido se a quantidade for pouca. Jogar um tanto de papel e dar descarga, outro tanto e dar outra descarga… ei, água é valiosa, pare com isso!

Fonte: Eco4Planet
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...