terça-feira, 14 de outubro de 2014

O corpo que ficou pendurado por 36 anos em uma estrada inglesa


Em fevereiro de 1791, Spence Broughton e John Oxley tiveram uma ideia não tão brilhante. O que eles não sabiam é que Broughton não veria o fim da história… apenas seu corpo.

Os inexperientes criminosos, que moravam em Londres, decidiram roubar a carruagem do correio da cidade de Sheffield. Meses depois, em outubro do mesmo ano, Oxley foi preso por outro crime e não apenas admitiu que também havia sido responsável pelo roubo em Sheffield, mas apontou o dedo para seu cúmplice.

Broughton foi preso, julgado, considerado culpado e sentenciado à forca. Na época, os ladrões estavam entre os criminosos mais propensos à forca, e com a premeditação de Broughton e o uso da violência em seu crime, o laço foi dado.

Seu caso tornou-se famoso de uma forma muito estranha. Depois que estava morto, seu corpo foi transportado de volta para a cena do crime. Attercliffe Common. Lá, ele foi enforcado… por 36 anos.

No dia em que ele foi colocado lá, cerca de 40.000 pessoas estiveram presentes para acompanhar o “espetáculo”. Os proprietários de pubs locais afirmaram que o acontecimento trouxe uma pequena fortuna para os cofres, e simplesmente amarrar o corpo e em seguida retirá-lo não teria o efeito desejado pela justiça. Por isso, decidiram deixar o corpo pendurado por um bom tempo.

Deixar cadáveres de criminosos apodrecendo em público não foi nada particularmente fora do comum, havia pelo menos 100 deles em Londres em 1800. A justificativa para essa prática era de que o corpo pendurado serviria de aviso para aqueles que pensassem em praticar algum ato fora da lei.

O cadáver de Broughton acabou sendo cortado, não por causa de alguma revolução social ou indignação pública, mas porque os proprietários de negócios nos arredores ficaram doentes e cansados dos curiosos que visitavam a cidade. Broughton recebeu um enterro cristão e um pub foi nomeado em sua homenagem.

Representação do modo como o corpo de Spence Broughton foi deixado


Fonte: Fail Trolls e Afins
Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Que coisa triste, fez coisa errada e pagou mas até aí é demais.
    Provavelmente fizeram isso para desencorajar mais roubos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...