terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Advogados processados por não dizerem que divórcio poria fim a união


Uma mulher de Londres (Inglaterra) tentou levar à Justiça advogados de duas firmas que cuidavam do seu processo de divórcio.

Susan Jane Mulcahy alegava que os advogados não haviam informado que o divórcio levaria ao fim do seu casamento. Ela, então, decidiu acusar os profissionais de "negligência".

Segundo a britânica, os advogados deveriam ter apresentado uma alternativa legal já que ela, que é católica, acredita na "santidade do casamento".

A Corte Real de Justiça rejeitou o processo, noticiou o "Independent". O caso foi levado a um tribunal de apelações, mas foi novamente rejeitado.

Fonte: Page Not Found
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...