sábado, 21 de setembro de 2013

Pesquisador nigeriano usa ímãs para provar que o casamento gay é errado

Chibuihem Amalaha, pós-graduado da Universidade de Lagos, realizou um estudo, no qual provou, sob o ponto de vista de quatro ciências diversas (Física, Química, Biologia e Matemática), que as relações homossexuais têm um caráter antinatural.

O nigeriano declarou que pretende concorrer ao Prêmio Nobel com esta descoberta, informa o jornal nigeriano This Day.

Na opinião de Amalaha, dois ímãs mostram da melhor maneira o caráter antinatural das relações homossexuais: “Tomemos duas barras magnéticas. Se tentarmos juntar dois polos, eles repelem-se, mostrando que um homem não deve sentir-se atraído por outro homem, e uma mulher, por outra mulher”.

Amalaha declarou ser feliz por Deus ter impedido os legisladores nigerianos de seguirem a recomendação feita pela Grã-Bretanha e, tal como a França, legalizarem os casamentos homossexuais. Segundo a agência noticiosa UPI, na Nigéria a homossexualidade é um crime castigado com 14 anos de reclusão.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...