quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Dinossauro anfíbio gigante escavava o subsolo para sobreviver à seca há 230 milhões de anos

Um dinossauro anfíbio gigante escavava o subsolo para se tornar “dormente” e conseguir superar a seca.

Um novo estudo sugere que o Metoposaurus diagnosticus pesava mais de 500 kg e tinha 10 metros de comprimento, mas seu ambiente tinha apenas duas estações: seca e úmida.

Ele precisava de água para manter seu estilo de vida, mas os cientistas descobriram que a estação de seca extremamente longa levou a espécie a buscar refúgio no subsolo, tornando se “dormente” nessa estação.

Esse comportamento foi descoberto por Dorota Konietzko-Meier, da Universidade de Opole, na Polônia e por Martin Sander da Universidade de Boon, na Alemanha.

O estudo, que foi publicado no Journal of Vertebrate Paleontolgy, examinou toda a estrutura global do esqueleto do animal, bem como a microscopia de seus ossos.

“Este animal era muito maior do que qualquer espécie que se escondia em tocas, e eu suspeito que cavava com seu focinho, além da cauda ter desempenhado um papel mais importante do que as pernas, como se observa na maioria dos vertebrados aquáticos de hoje”, salienta o professor Dr. Michel Lauri em entrevista ao britânico DailyMail.



Fonte: Jornal Ciência
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...