terça-feira, 29 de abril de 2014

As misteriosas múmias da Sibéria




Arqueólogos russos retomaram as escavações em um sítio arqueológico remoto perto do Círculo Polar Ártico, na tentativa de desvendar o mistério de múmias medievais cobertas com máscaras de cobre.

No total, os arqueólogos encontraram 34 covas rasas com sete homens adultos, três crianças do sexo masculino e uma do sexo feminino.

Com cerca de mil anos de idade, as múmias foram enterradas com diversos artefatos; algumas tinham ossos fraturados, o crânio esmagado ou ausente.

Essa é uma das três múmias mascaradas do sexo masculino encontradas no sítio arqueológico. Cada múmia foi amarrada com quatro ou cinco fios de cobre de 5 centímetros de largura.

Cinco múmias foram descobertas ainda envoltas nos fios de cobre e em mantas de peles de rena, castor, carcaju e urso.

Esta é a mão mumificada de uma criança. Entre os túmulos, os arqueólogos encontraram apenas uma criança do sexo feminino com máscara de cobre.

Os artefatos encontrados perto das múmias incluíam uma faca de combate de ferro, pulseiras, medalhões de prata e estatuetas de bronze. Os arqueólogos também descobriram tigelas originárias da Pérsia, cerca de 3.700 quilômetros a sudoeste, que datam dos séculos 10 ou 11.

A descoberta sugere que há cerca de mil anos, a Sibéria não era uma região remota e inóspita, mas um importante polo comercial.

Os arqueólogos admitiram que as sepulturas abrigavam ritos funerários inéditos. Eles esperam solucionar o enigma desse povo misterioso com novas escavações e testes de DNA.

Fonte: Discovery
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...