terça-feira, 17 de setembro de 2013

Armas químicas produzem mutações em peixes no Báltico

Segundo pesquisadores poloneses, as armas químicas afundadas após a Segunda Guerra Mundial no mar Báltico originam mutações genéticas em peixes.

De acordo com eles, os 50 mil projéteis e bombas depositados no fundo do Báltico contêm cerca de 15 mil toneladas de agentes químicos. O maior risco advém para as pessoas do consumo de peixes contaminados.

Os cientistas pediram à União Europeia a atribuição de uma verba a uma investigação que lhes permitisse avaliar da utilidade e dos eventuais riscos da retirada das armas químicas do fundo do Báltico.


Fonte: Voz da Rússia

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...