domingo, 4 de agosto de 2013

Nasa financia pesquisa sobre hibernação espacial humana

A Nasa anunciou anteontem que vai financiar a fase inicial de um estudo sobre "hibernação humana" como estratégia para manter astronautas vivos durante viagens espaciais longas no futuro.

A ideia, concebida inicialmente em filmes ficção cientifica, é minimizar os requisitos de sobrevivência de uma tripulação a caminho de Marte, que em condições normais consumiria muitos recursos.

"Acreditamos que, com uma tripulação de quatro a seis pessoas, a massa de um habitat pode ser reduzida para 5 a 7 toneladas, comparada com 20 ou 50 toneladas", escreveu John Bradford, da empresa Spaceworks Engineering, autor da proposta.

O financiamento para a pesquisa saiu do programa Niac (Conceitos Avançados Inovadores da Nasa), que só banca projetos arriscados.

A proposta de Bradford, que fala em "torpor induzido" e "animação suspensa", em vez de hibernação, receberá US$ 100 mil no primeiro ano, no qual precisa apresentar uma prova de princípio. Caso tenha sucesso, receberá mais US$ 1 milhão para um período de dois anos.

"O avanço recente da medicina impulsiona a habilidade de induzir estados de sono profundo (por exemplo, o torpor) com taxa de metabolismo significativamente reduzida, em humanos, por grandes períodos de tempo", escreve Bradford.

O pesquisador também menciona a "animação suspensa para voos humanos interestelares" como uma "solução promissora de longo prazo para viagens espaciais de longa duração".

Outras pesquisas selecionadas para a primeira fase do NIAC são uma "impressora 3-D de estruturas biológicas" e uma "plataforma de voo permanente", que funcionaria como uma espécie de satélite capaz de se manter em baixa altitude. 




Fonte: Folha de São Paulo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...